As temperaturas aumentaram e a preocupação agora é o ar seco. Leia aqui sobre como a saúde e o bem estar podem ser afetados devido a baixa umidade do ar.

Para vocês terem uma idéia, a máxima temperatura na quinta-feira (dia 04/08, quando tivemos mínima de 5,6°C) foi de 17,3°C. Já na sexta-feira (05/08) quando tivemos mínima de 3,5°C e geada, a máxima chegou a 20,6°C.

Percebam a amplitude térmica do dia 05/08. Máxima de 20,6°C e mínima de 3,5°C. Por isso as pessoas adoecem! O organismo não reage bem a essa variação de temperatura.

No dia 06/08 (sábado) a máxima chegou a 29,6°C! Percebam como subiu com relação ao dia anterior.

No domingo (07/08) a máxima chegou a 31,2°C!

Para ficar mais fácil compreender o que estou tentando dizer, veja o resumo abaixo:

- quinta (04/08): máxima de 17,3°C

- sexta (05/08): máxima de 20,6°C

- sábado (06/08): máxima de 29,6°C

- domingo (07/08): máxima de 31,2°C!!!

Reparem o quanto a temperatura máxima subiu nos últimos dias! E a previsão do tempo aponta que hoje não será diferente: a máxima temperatura ficará por volta dos 30°C.

Este ano, a última vez que tivemos uma temperatura máxima superior a 30°C foi no dia 16 de abril, quando registramos máxima de 31°C. Ou seja, o inverno está dizendo adeus.

Há um predomínio de uma massa de ar quente e seco sobre a maior parte do país. É bem provável que a umidade relativa fique abaixo de 40% (condição que já tivemos no domingo, com umidade relativa mínima de 29%), nos horários entre as 10h-16h. Por isso ressalto aqui que atividades ao ar livre devem ser evitadas. Bebam bastante líquido!

Boa semana para todos.